quarta-feira, 27 de novembro de 2019

Fechamento Outubro 2019 | R$ 549.361,23 (+4,02%)

Olá amigos, segue abaixo meus resultados de outubro de 2019!
Pouco atrasado, mas estamos aí né!

Ativos Financeiros: R$ 549.361,23
Imóvel: R$ 343.080,85
Patrimônio total: R$ 892.442,08

Renda Passiva: R$ 2.820,80 (85% das despesas).
Rentabilidade:
Outubro: 2,86%
2019: 18,2%
1 ano: 21,2%

Mês de novembro começou com novidades no trabalho, onde assumi um novo projeto muito bom! É uma pena eu querer preservar minha identidade... pois com certeza todos aqui conheceriam onde eu estou agora.

É um desafio interessante! Mudou a minha rotina... vamos ver o que me espera...

Outro ponto, durante o transito estou ouvindo bastante podcast, em especial o NerdCast, Matando Robôs Gigantes e o NãoOuvo. Pois é, só besteira praticamente...
Mas é o momento que eu preciso me desligar.... estar 110% produtivo sempre cansa demais.
Vocês também ouvem podCasts? Eu tenho que incluir nas minhas listas o SR IF 365! Ouvi 2 episódios já e ele está mandando muito bem!

Falando sobre produtividade, eu sempre senti que fui um profissional sempre mediano no que diz respeito a disposição em trabalhar. Em outras palavras... EU PROCRASTINO DEMAIS.
E mesmo assim, ainda tenho o trabalho elogiado e sou referencia dentro da empresa nisso. É difícil não pensar no E SE eu trabalhasse certinho... aonde eu estaria profissionalmente.



Errado isso não? Comento mais sobre uma forma de desabafo.... não me orgulho. Eu queria ser mais concentrado mas o desanimo é demais. E olha que estou em uma empresa muito rígida, onde vários profissionais são mandados embora com muita frequência.

Pode ser também um efeito da Síndrome do impostor.
"Se você sente constantemente que o que você faz não é bom o suficiente, você pode ter a chamada síndrome do impostor. É um termo psicológico que descreve um padrão de comportamento no qual você duvida de suas realizações e tem um medo persistente de ser exposto como uma fraude, como incompetente."

É que, além de eu achar que poderia render muito mais, por outro lado, algumas vezes acho que estou cercado de idiotas (SE um dia eu revelar a minha identidade e você já trabalhou comigo, pode ser que eu já tenha duvidado da sua capacidade, foi mal).

Essa sensação pode ser também pois em minhas equipes lido bastante com engenheiros recém formados, e a grande maioria é sempre muito limitada. Reflexo da educação neste pais? Ou só um azar de amostragem baixa?

Grande abraço a todos!



6 comentários:

  1. Parabéns você parece ter uma carreira de sucesso, apenas não entendi este desanimo.
    Acredito que você queira fazer outra atividade, bom pelo menos é o que sinto neste exato momento gostaria de estar fazendo outra atividade e por isso tenho picos de desanimo.

    Mas ai busco motivos para levantar meu animo. Escrevi um post sobre produtividade depois da uma lida lá. https://williammachadocosta.com/


    ResponderExcluir
  2. Me senti representado na sindrome do impostor. Sinto isso constantemente

    ResponderExcluir
  3. Isso ai, otimo post.
    Quando voce diz que a maioria sao muito limitada, em que sentido voce fala?

    ResponderExcluir
  4. Ótima performance, Japa. Parabéns!
    O ano tem tudo pra ser muito bom na Carteira Batalha também:
    Outubro: 2,73% | Novembro: 1,59%
    Ano: 16,96%

    ResponderExcluir
  5. Acho que procrastinar todo mundo procrastina, ninguém consegue ser produtivo 100% do tempo.

    Acabo me sentindo da mesma maneira as vezes, tem vezes que passo pela síndrome do impostor, e as vezes também acho que estou rodeado por idiotas. No geral acho que o nível dos profissionais no Brasil é baixo em comparação com países de primeiro mundo, o que acho que pode passar essa impressão.

    Olhando pelo lado bom, a concorrência não é tão alta assim, então não fica muito difícil de se destacar.

    ResponderExcluir
  6. Japa, como está? Estou lendo os seus posts e me identifiquei demais.
    Primeiro que também sou engenheiro, também fiz faculdade pública, segundo que trabalho em uma multinacional e sei como é esta síndrome do impostor, eu sempre acho que entrego pouco perto do potencial, que poderia entregar e sempre sou elogiado nos meus feedbacks.
    Todos me tratam como o futuro da empresa, imagina se eu estivesse motivado dando 100% do tempo.
    Na minha primeira promoção eu me motivei muito, por ser cargo de confiança trabalhava das 07 hrs ás 20-21hrs todos os dias, em um nível muito alto, só que é impossível manter isto por muito tempo.
    Com o tempo meu desempenho caiu, pelo menos na minha percepção, comecei a me policiar mais, hoje eu tento sair no máximo as 19 hrs (tento). Hahahaha
    É muito difícil se manter motivado 100% do tempo e eu acho que tem que ter um equilíbrio, tenho lido bastante sobre a roda da vida, como melhorar a minha vida fora do trabalho para me manter mais motivado no trabalho, é complicado...

    Tenta escrever mais sobre o lado profissional, vou gostar de acompanhar, abraço.

    Ps: Também gosto de Nerdcast

    ResponderExcluir