quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Fechamento Outubro 2017 | R$ 336.348,23 (+2,29%)

Olá companheiros da Finansfera! 
Segue fechamento de OUTUBRO / 2017:

Resumo:
- Carteira [ Ativos Financeiros ] atual: R$ 336.348,23
- Valor investido no imóvel até outubro/17: R$ 231.970,69*
*(Todo dinheiro investido no imóvel até o momento, sem correções - valores absolutos).
- Valor Total de Patrimônio (carteira + imóvel): R$ 568.318,92

Renda Passiva:
- Renda Passiva de Outubro/2017: R$ 2.439,69**
**(Aluguel, Juros de TD Selic, LCA, LCI, CDB, Debenture e rendimentos de FII).
A renda passiva de outubro cobriu 79% dos meus gastos no mês.
A renda passiva de 2017 cobriu 87% dos meus gastos no ano.

Variações no período:
- Variação da Carteira no período (outubro/17): 2,29%
- Variação da Carteira em 12 meses (out/16 a out/17): + 44,72%
- Rentabilidade do mês (out/17): + 0,42%
- Rentabilidade do ano (até out/17): + 13,45%
- Rentabilidade em 12 meses (out/16 a out/17): + 15,06%




Rentabilidade afetada devido aos valores de face do Tesouro Direto no mês de outubro, retração de -0,70%.
Renda variável ficou em +0,83%








Mais um mês corrido, que se passa.. 
Graças a Deus estou vivo, com uma pequena gripe, porém firme e forte na batalha do dia a dia.

Melhor ativo do mês irá para FIGS11 com retorno de +8,2%. IVVB11 com +5,5% teve bom retorno também, devido aos últimos acontecimentos políticos e o impacto da variação do dolar.
Destaques negativos para NSLU11 e TRXL11, ambos com -4,8%.

Renda passiva se manteve estável, porém em Outubro gastei um pouquinho mais de dinheiro, e nos próximos meses continuará assim (fim de ano, pós, saídas..). Estou focando aportes em FII, ainda buscando priorizar a renda passiva.

Aporte um pouco acima da média devido ao recebimento da restituição do IR.

Olha, ainda estou muito magro. Quem lembra posts do ano passado, eu pesava 76 kg e queria chegar em 80 kg. Hoje estou com 71 kg, mesmo TENTANDO engordar! Como é possível?
O organismo é mesmo louco...
Entretanto, sigo firme na academia. Percebi que estou com mais massa magra (mesmo sendo muito magro!), o corpo está ficando legal, e é instantâneo o interesse feminino. 

A garota que eu conheci meses atrás e que havia terminado comigo.. bem, meio que voltamos.
Está tudo muito enrolado ainda, mas nos próximos dias se acertarão (basicamente, ou vamos começar a namorar, ou terminará tudo). Quem viver.. verá!

No resto, correria total! Projeto em fase final, estudando quase todo dia na Pós Graduação, Academia cedo, trabalhando durante 14h por dia... 

Porém, já começo a traçar algumas perspectivas para 2018! Creio que será um ótimo ano!

Um abraço a todos!

domingo, 1 de outubro de 2017

Fechamento Setembro 2017 | R$ 328.819,71 (+4,45%)

Olá companheiros da Finansfera!
Segue fechamento de SETEMBRO / 2017:

Resumo:
- Carteira [ Ativos Financeiros ] atual: R$ 328.819,71
- Valor investido no imóvel até setembro/17: R$ 229.347,77*
*(Todo dinheiro investido no imóvel até o momento, sem correções - valores absolutos).
- Valor Total de Patrimônio (carteira + imóvel): R$ 558.167,48

Renda Passiva:
- Renda Passiva de Setembro/2017: R$ 2.452.28**
**(Aluguel, Juros de TD Selic, LCA, LCI, CDB, Debenture e rendimentos de FII).
A renda passiva de setembro cobriu 111% dos meus gastos no mês.
A renda passiva de 2017 cobriu 88% dos meus gastos no ano.

Variações no período:
- Variação da Carteira no período (setembro/17): 4,45%
- Variação da Carteira em 12 meses (set/16 a set/17): + 45,19%
- Rentabilidade do mês (set/17): + 2,75%
- Rentabilidade do ano (até set/17): + 12,97%
- Rentabilidade em 12 meses (set/16 a set/17): + 15,92%



Rentabilidade boa, a melhor que já tive em 1 mês, porém baixa comparada com IBOV e IFIX, tendo em vista que não tenho tanta exposição em RV na minha carteira.

Aliás, minha rentabilidade em RV foi de 5,82% no mês, 22,08% no ano e 25,42% nos últimos 12 meses, nada mal.


Aporte seguiu normal, padrão para o mês. Aumentei meu patrimônio em mais de R$ 100K em 12 meses.



Aos poucos, a proporção do meu apartamento em relação ao total do patrimônio vai diminuindo... Interessante observar o aumento de exposição em Renda Variável no último ano.


5° mês seguido de resultados consistentes e evolução.

Há alguns meses minha renda passiva está cobrindo minhas despesas diretas (só não incluo aqui o financiamento do apartamento). Porém tenho uma despesa nova que entrará de forma recorrente nos próximos meses que vai afetar meu aporte...

Os ativos que mais valorizaram este mês foram TRXL11 (+14%) e SAAG11 (+13,5%).
Destaques negativos para JSRE (-1,9%) e VRTA11 (-1,8%).

No trabalho, estamos nos adaptando a demanda de serviços. Alguns assistentes estão começando a pirar já... pessoal mais novo ainda não está acostumado com tanta pressão. Antigamente eu costumava 'segurar a barra' da equipe, mas percebi que isso não era bom nem pra mim, e nem para eles... que estão em fase de amadurecimento profissional. Acho que sentir pressão de vez em quando faz bem, os tornam mais cascudos para o dia a dia, seja neste ou em outro emprego.

Lembram daquela garota que eu conheci? Bom, realmente ela é incrível. Saímos, ficamos, nos interagimos, mas.... fui dispensado. Tem algo que eu não comentei: ela não mora na cidade em que vivo. E não está com intenção nenhuma de manter algo a distância. Um dia vou postar sobre minha experiência de relacionamentos a distância - o que é uma merda aliás, não recomendo a ninguém.

Este é o problema de quem vive viajando, vive morando nesse Brasil afora... as vezes a gente conhece uma pessoa super legal, mas que acaba não dando certo, pois já começa errado.

Enquanto isso, fico conhecendo e saindo com umas garotas por ae. Mas percebo que não estou mais na vibe do rolê. Acho que já curti bastante, estou procurando algo mais sério... talvez um reflexo da idade?

Isso me fez ficar meio na deprê..

Comecei uma pós graduação muito boa (esta é a despesa nova, que na verdade, é um investimento em mim mesmo)! É a segunda que eu faço. Já que no relacionamento não estou tendo muita sorte, o que me resta é me capacitar...

Abraços a todos!

sábado, 2 de setembro de 2017

Fechamento Agosto 2017 | R$ 314.823,48 (+2,87%)

Olá companheiros da Finansfera! 
Segue fechamento de AGOSTO / 2017:

Resumo:
- Carteira [ Ativos Financeiros ] atual: R$ 314.823,48
Valor investido no imóvel até agosto/17: R$ 226.636,59*
*(Todo dinheiro investido no imóvel até o momento, sem correções - valores absolutos).
- Valor Total de Patrimônio (carteira + imóvel): R$ 541.460,07

- Renda Passiva de Agosto/2017: R$ 2.400,47**
**(Aluguel, Juros de TD Selic, LCA, LCI, CDB, Debenture e rendimentos de FII).
A renda passiva de agosto cobriu 101% dos meus gastos no mês.
A renda passiva de 2017 cobriu 86% dos meus gastos no ano.

- Variação da Carteira no período (agosto/17): 2,87%
- Variação da Carteira em 12 meses (ago/16 a ago/17): + 43,43%
- Rentabilidade do mês (ago/17): + 1,27%
- Rentabilidade do ano (até ago/17): + 9,95%
- Rentabilidade em 12 meses (ago/16 a ago/17): + 14,21%


Estou conseguindo superar o CDI, até com uma certa facilidade. IPCA continua muito baixo no histórico e RV demonstrando boa recuperação no geral.


Minha rentabilidade está condizente com minha exposição em renda variável (34% da carteira de ativos financeiros). Devagar e sempre. Continuo estudando ações, porém me falta mais dedicação para o tema.

Aportes continuarão nessa grandeza durante todo o ano. Minhas despesas estão estáveis e controladas também. Os investimentos no mês foram concentrados em FII.


O histórico de proporção mostra bem a época que entrei para a blogosfera, e como isso influenciou na minha alocação de ativos. Exposição em Renda Variável só que aumenta.


Como podem ver, é o melhor agosto da minha vida. há "exatos" 5 anos atrás, eu tinha pouco mais de R$ 11K na carteira. Hoje estou com R$ 314K em ativos financeiros e R$ 226K em imóvel. Usando a referência citada pelo , aplicando o Ciclo TEI - Trabalhar, Economizar e Investir, o resultado não poderia ser diferente.

Bem vindo caro leitor deste humilde diário de finanças!

Financeiramente foi um mês sem novidades para mim. Aportes em FII, resultados satisfatórios. Detaque positivo para TRXL11 (+11%) e GOVE11 (+7,6%). Ocorreram desvalorizações em AGCX11 (-5,9%) e VRTA11 (-4%).

A renda passiva teve um bom resultado novamente, cobriu todas as minhas despesas. E olha que, apesar de eu viver uma vida simples, não fico passando 'tanta vontade': Estou saindo bastante, comi este mês em alguns bons restaurantes, e comprei alguns presentes para mim mesmo da China. Quem sabe até outubro chegue.

Trabalho está pegado, tivemos de um funcionário da minha equipe que foi despedido, então tive que redistribuir as tarefas entre os que ficaram. Também acabei assumindo o serviço de parte da equipe, devido a este remanejamento. Minha experiência me diz que estou com uma equipe subdimensionada para nossas obrigações.... No meu entender, está acontecendo uma "economia burra" nessa redução. Faço uma analogia a questão dos aumentos de impostos. Chega um ponto em que o aumento das taxas não vai significar necessariamente o aumento da arrecadação. O mesmo ocorre na formação de uma equipe, porém no sentido inverso: ter menos profissionais pode significar, para a folha de pagamento, menos custo, entretanto, está afetando outros pontos de nossa gestão, e a arrecadação de receitas, além do controle de custos e qualidades, estão sendo comprometidos.

Mas eu me viro nos 30, junto com a minha equipe. Não estamos em um momento de chorar o leite derramado.

Não sou muito de comentar sobre minha vida amorosa aqui, mas... dessa vez se faz necessário, para fins de registro. Conheci uma garota incrível! Daquelas que mexe com a nossa cabeça, e nos faz repensar algumas coisas...
É sério, estou me sentindo com 14 anos algumas vezes, chega a ser engraçado. Daqui alguns meses, quero voltar a ler aqui e ver se isso foi mais uma perda de tempo, ou se eu encontrei a futura Sra. Japoneuza..

Será?

Um grande abraços a todos!
Não se esqueça de se inscrever em meu blog, aqui ao lado!

terça-feira, 29 de agosto de 2017

Campeonato Brasileiro da Blogosfera - que time você seria?

Boooooooooa Noite amigos da Rede Globo!

De vez em quando, naqueles momentos de tédio, faço uma compilação de todo o patrimônio divulgado aqui na blogosfera!

Dessa vez, como sou um grande fã de futebol, decidi fazer uma compilação da blogosfera e comparar com a posição do Campeonato Brasileiro... de TODAS as divisões, afinal, são mais de 80 blogs divulgando seu patrimônio que quase faltou time!


Que seleção hein? Mestre dos Dividendos, Pobre Sofredor, Pobre Japa, Ministro dos Investimentos, Cowboy Investidor e claro, Mestre dos Centavos no colo da galera!
Antes de tudo, algumas estatísticas:

 R$ 26.845.857 é o Patrimônio Total divulgado hoje;
 82 são os blogueiros aqui compilados;
 8 Milionários, que detém  R$ 15.904.595 em patrimônio, 60% do total.
 R$ 327.389 é a Média de Patrimônio, 

Vamos então a Tabela, separada aqui por Divisões, porque ficou muito grande:


Série A - R$ 20.821.447

Média por "time" - R$ 1.041.072



Para quem tinha alguma dúvida, Viver de Renda, assim como o Corinthians, disparado na frente!
Me surpreendeu que o "último colocado", nosso amigo Nordestino Pirangueiro (Atlético-GO), tem um patrimônio de R$ 274K! É muita grana!


Série B - R$ 3.981.099

Média por "time" - R$ 199.055



A Série B de nossa Finansfera possuem jogadores de peso! Surfista Calhorda representando o Ceará, Mestre dos Dividendos, com sua sabedoria, seria o Juventude e Ministro dos Investimentos o Criciúma!

Série C - R$ 1.641.329

Média por "time" - R$ 82.066

 


A luta pelo Acesso na Série C já fica mais acirrada. Brasileiro na Arábia (Sampaio Correia) liderando, e em último, nosso querido Mestre dos Centavos (Mogi Mirim).

Série D - R$ 401.983

Média por "time" - R$ 18.272



E para finalizar, a galera que está na luta, buscando um lugar ao Sol em séries superiores! Aqui, cada real faz a diferença!

Que time você seria neste Campeonato?
Espero que tenham gostado! O objetivo deste levantamento é conhecer um pouco mais a abrangência que essa comunidade tem!

Quero aproveitar e divulgar os Rankings de nossos amigos:


Ranking de Renda Passiva - MESTRE DOS DIVIDENDOS

Ranking de Rentabilidade - CAPITALISMUS

Combate Finansfera x Corretoras - INVESTIDOR DE RISCO

Grande abraço a todos!

sábado, 19 de agosto de 2017

Analisando as despesas pessoais de 2017

Olá amigos!

Já estamos em agosto, quase setembro... ano passando bem rápido para alguns, lento até demais para outros.

Momento de analisar nossos planos, metas, e ver o que dá para salvar nesse ano ainda.
Hoje, irei compartilhar com vocês como estão minhas despesas recorrentes em 2017, até julho.

Considero muito importante para quem está na caminhada rumo ao patamar financeiro melhor, ter o controle sobre suas despesas.

Se, por muitas vezes, ficamos engessados em buscar novas fontes de renda, pelo menos as despesas, nosso controle sobre elas é maior.

e como RECEITA - DESPESAS = APORTE... reduzindo a parcela da despesa, aumenta-se o aporte nosso de cada dia!

Algo que gosto muito na blogosfera é ver relatos de "gente como a gente". 
Números reais (imagino eu), de anônimos, de diferentes realidades, mas a maioria com um objetivo em comum: a Independência Financeira.

Bom, antes, um parâmetro:
Sou solteiro, no auge da idade (entre 28 a 32 anos), moro em uma capital, PORÉM, não tenho custos com moradia (a empresa paga). Isso me ajuda demais nos aportes.
Tenho um financiamento que não incluí também, pois como é um imóvel alugado, não estou considerando bem uma "despesa", e sim um "investimento".

E sobre as despesas..



Essas são minhas despesas mensais médias, recorrentes, até o momento.

Em relação ao ano anterior, percebe-se um aumento em transporte e um pouco em alimentação.

Estou gastando mais com presentes também (casamentos e casamentos...)

Meu transporte tem este valor pois eu viajo muito de avião para ver minha família, que fica em outro estado.

E vocês? Controlam suas despesas?
Eu tenho cada centavo cadastrado em aplicativo de celular. Super tranquilo.. virou um hábito já.

Em breve farei um post somente sobre isso!

Grande abraço




sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Quando você pode se considerar bem sucedido?

SUCESSO.

substantivo masculinoÊxito; consequência positiva; acontecimento favorável; resultado feliz.


O que é ter sucesso para você?

Interessante como uma pergunta simples possui uma abrangências de respostas, onde suas definições, por serem pessoais, podem ser divergentes, dependendo dos valores e ambições de cada um.

Esses dias, conversando com alguns colegas de faculdade, durante um papo trivial, me falaram:


"Cara, que bom que você é bem sucedido agora"

Bem sucedido? Eu? Por que ele teve essa imagem de mim?
Uma análise superficial, diz com relação a minha posição profissional hoje, talvez comparando com a minha idade em relação a outras pessoas com condições parecidas.

Ainda não tenho 30 anos, patrimônio bruto de mais de meio milhão, mãe professora, pai mecânico. Cresci na periferia. Estudei em escola pública e hoje com um salário de R$ 12.000 / mês.

Tenho plena consciência da minha situação atual (e sim, me orgulho de muitas conquistas minhas), mas... não me sinto "bem sucedido". Pelo menos não plenamente.

Ter meio milhão de patrimônio, e não ter encontrado o amor da sua vida?
Trabalhar horas e horas, ver pouco a família, os amigos...
Isso não é ser bem sucedido para mim...

Claro, a vida é um grande "trade off". Me abdico de algumas coisas em prol de outras.
Meu objetivo maior, o meu "exito", será quando eu atingir a independência financeira.
Porém, logo me vem um receio... eu vou saber parar? ou melhor... eu terei que parar?

Ou assim que eu atingir a meta, vou criar outra... e depois outra?
Até quando?
Percebo que a busca pela independência financeira pode ser um "caminho sem fim". Nós muitas vezes nos projetamos na condição de outras pessoas. Qual blogueiro de finanças nunca se imaginou com R$4.429.788,23 em patrimônio?

"Com essa grana, eu não me preocuparia com mais nada e curtiria a vida"

Esse número é familiar para quem acompanha os fechamentos mensais. É o valor do portfólio do Viver de Renda. Me impressiona que sua meta inicial era de R$ 3 Milhões somente em 2025. E hoje.. está analisando a diversificação do patrimônio em investimentos no exterior, afim de se proteger do risco soberano.

Admiro sua dedicação. Admiro sua disposição em, mesmo milionário, partilhar experiências com a nossa comunidade. Mas.. me pergunto se eu faria o mesmo na situação dele.

Será que a vida, no final das contas, é isso? uma busca incessante em atingir objetivos.

Uma coisa que é fato: Sucesso é muito mais que o saldo da sua conta.
Uma pesquisa velha que encontrei, feita pela Revista Época, perguntou aos leitores quais são os verdadeiros sinais de uma vida de sucesso.



É interessante observar que muitos itens, podemos associar com os sinais de ser independente financeiramente:

- Trabalhar no escritório ou em casa
- Ser acionista na empresa
- Ficar quanto tempo quiser com os filhos
- Aposentar-se com dinheiro aos 50 anos
- Possuir muitos imóveis (será que FII conta? rs )
- Não ter hora para acordar
- Vestir-se e comportar-se como quiser
- Folgar as sextas-feras (?)
- Participar de ações filantrópicas

Porém, o item mais citado, foi "Ser feliz no amor".

Encontrei uma definição que gostei muito, é do Anthony Robbins, palestrante, escritor e motivador americano:

“Minha definição de sucesso é viver sua vida de uma forma que o faça sentir uma tonelada de prazeres e muito pouca dor e, por causa do seu estilo de vida, ter as pessoas ao seu redor sentindo muito mais prazer do que dor.”


E você, caro leitor? Se sente bem sucedido?
Que fatores você considera importante para definir alguém bem sucedido?

Peguei no Capinaremos.com - recomendo!


Grande abraço!


terça-feira, 1 de agosto de 2017

Fechamento Julho 2017 | R$ 306.054,17 (+3,13%)

Olá companheiros da Finansfera! 
Segue fechamento de JULHO / 2017:

Resumo:
- Carteira [ líquida ] atual: R$ 306.054,17
Valor investido no imóvel até julho/17: R$ 223.937,34*
*(Todo dinheiro investido no imóvel até o momento, sem correções - valores absolutos).
- Valor Total de Patrimônio (carteira + imóvel): R$ 529.991,51

- Renda Passiva de Julho/2017: R$ 2.586,10**
**(Aluguel, Juros de TD Selic, LCA, LCI, CDB, Debenture e rendimentos de FII).
A renda passiva de julho cobriu 164% dos meus gastos no mês.
A renda passiva de 2017 cobriu 84% dos meus gastos no ano.

- Variação da Carteira no período (julho/17): 3,13%
- Variação da Carteira em 12 meses (jul/16 a jul/17): + 43,08%
- Rentabilidade do mês (jul/17): + 1,15%
- Rentabilidade do ano (até julho/17): + 8,57%
- Rentabilidade em 12 meses (julho/16 a julho/17): + 14,01%

Farol de Benchmark Rentabilidade:

Situação da Carteira de Ativos:







Olá Amigos!

Terceiro mês seguido de "normalidade", tanto nos aportes como na rentabilidade.
Devido ao baixo gasto que tive em julho (na verdade, gastei pouco em junho, mas minha fatura vence no mês seguinte), minha renda passiva recorrente acabou cobrindo 164% das minhas despesas. No ano, ela já cobriu 84%. É uma proporção interessante, mas isso é porque eu tenho uma vida bem de boa, e não necessariamente porque a renda passiva está alta.
Tenho 3 escalas para a independência financeira:

1. Fase - R$ 2.500 / mês recorrentes -> Cobre minhas despesas atualmente;
2. Fase - R$ 5.000 / mês recorrentes -> Cobre minhas despesas + financiamento do apartamento;
3. Fase - R$ 10.000 / mês recorrentes -> Irá cobrir um padrão de vida de R$ 8.000 + R$ 2.000 reinvestidos.

Minha meta é chegar a Fase 3 até 2022. Provavelmente até 2021 eu termine de pagar meu financiamento, fazendo com que os aportes fiquem ainda maiores. Ainda restam 5 longos anos...

Provavelmente alguém irá perguntar: mas e a Inflação? 
Bom, eu uso indicadores oficiais como IPCA e IGPM para parâmetros em algumas coisas, mas confesso que eu tenho meu próprio indicador de inflação pessoal.
Eu monitoro meus gastos desde 2012 e eles sempre se mantiveram em R$ 2.000 / mês. Tanto em épocas que eu namorava como em épocas de solteiro. Farei um post específico sobre isso...
....e outra, se não tiver um apocalipse financeiro até lá, 10mil ainda será muita grana em 2022.

Academia em Julho: FAIL total.

Livros em Julho: Opa, voltei a ler, finalmente! Estou lendo um livro do Cortella, muito bom, quando terminar farei uma resenha por aqui.

Assim como alguns colegas da blogosfera, vou começar a fazer alguns Projetos Digitais, visando renda passiva. Expectativa de dindin no bolso, somente daqui uns 4 ou 5 meses. Mais informações em breve.

É... já já vou fazer igual o Soul e começar a viajar o mundo, esse negócio de só trabalhar é bem chato. hahaha


Grande abraço!

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Lula condenado! ....e finalmente chego em R$ 300K

Mais um capítulo, mais um dia histórico dentre tantos.

Um ex presidente, provavelmente o mais popular da história deste pais, foi condenado em primeira instância por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do Triplex do Guarujá.

Reprodução UOL - foto Ueslei Marcelino

Como era de se esperar, o mercado reagiu instantaneamente, com o Ibovespa fechando nesta quarta feira em +1,57% e com o dólar caindo na casa dos R$ 3,20.

Reflexo imediato na minha carteira de FII, e com menor peso, nos meus investimentos em ETF (que andavam mal das pernas).

Resultado:

Encerro esta bela quarta-feira com R$ 300.040,32 em ativos financeiros!

Também conhecido como 300K!

Valor que provavelmente alcançaria em alguns dias, com o adiantamento do salário, mas nesse dia, por esse motivo, acaba tendo um gostinho especial.

Agora o Sr. Molusco será julgado em segunda instância, onde aguardaremos as cenas dos próximos capítulos.

Grande abraço e bons negócios a todos!

sábado, 1 de julho de 2017

Fechamento Junho 2017 | R$ 296.773,26 (+3,28%)

Olá companheiros da Finansfera! 
Segue fechamento de JUNHO / 2017:

Resumo:
- Carteira [ líquida ] atual: R$ 296.773,26
Valor investido no imóvel até junho/17: R$ 221,304,53
- Valor Total de Patrimônio (carteira + imóvel): R$ 518.077,79

- Renda Passiva de Junho/2017: R$ 2.322,00
(Aluguel, Juros de TD Selic, LCA, LCI, CDB, Debenture e rendimentos de FII).
A renda passiva de junho cobriu 94% dos meus gastos no mês.

- Variação da Carteira no período (junho/17): 3,28%
- Variação da Carteira em 12 meses (jun/16 a jun/17): + 37,45%
- Rentabilidade do mês (jun/17): + 0,71%
- Rentabilidade do ano (até junho/17): + 7,34%
- Rentabilidade em 12 meses (junho/16 a junho/17): + 14,33%

Farol de Benchmark Rentabilidade:

Situação da Carteira de Ativos:






Olá aportadores!

Estou muito perto de possuir R$ 300K em ativos financeiros! Mês com rentabilidade mediana, porém com um bom aporte, consequência do recebimento de um pequeno bônus na empresa com um mês bem parado no que se refere a gastos pessoais.

Junho foi um mês bem corrido no trabalho. Estamos com alguns profissionais da equipe de férias em um período crítico do projeto, deixando todo mundo com uma alta demanda e carga de estresse. Quando eu chego em um determinado nível de estresse, minha cabeça começa a pifar, literalmente. Eu esqueço onde guardei minhas chaves, esqueço o celular no trabalho, não raciocínio direito...

Como descrevi no começo do post, a renda passiva "recorrente", minha cobriu 94% das minhas despesas de custo de vida. O valor me agrada, pois me dá um pouco de tranquilidade caso eu perca meu emprego, mas está longe da minha meta primária ( R$ 5.000 / mês ) e a meta 2022: R$ 10.000 mensais em renda passiva recorrente.

As vezes eu olho meu patrimônio (100% fruto do meu trabalho e de juros! - não tenho herança, nunca ganhei casa nem carro de ninguém) e me dá vontade de usufruir de alguns confortos da "matrix".
Um desses confortos, ou ostentação, é ter um carro legal. Quando digo legal, me refiro a sedans como Mercedez C180 (~R$ 80K), Audi A3 ( ~ R$ 70K) ou um Lancer (~ R$ 55K).
Claro que estes valores são de veículos usados e só para deixar claro, não vou comprar um carro, e nem estou planejando em comprar, mas sim... eu vejo um assim na rua e me vem a cabeça: "Pois é, eu poderia ter um desse."


70mil em um brinquedinho desse, será?

Olha como as coisas são: há 6 anos atrás (com 23 anos), eu tinha aproximadamente 2mil reais no banco, que juntei nos estágios que fiz durante a faculdade. Hoje possuo mais de meio milhão em patrimônio! E sempre trabalhei como funcionário! ....com muito suor, e tirando uns pingados de rendimento em renda fixa e um FII aqui e alí.

É incrível o que MUITO esforço (cerca de 70h de trabalho por semana - e eu não ganho hora extra) e uma vida simples não conseguem atingir em pouco tempo.

Já pensei no seguinte: com a grana que tenho em carteira, poderia quitar meu apartamento (falta R$ 110K de saldo devedor), comprar esse Audi aí da foto por R$ 70K, e eu ainda teria R$ 116mil reais!

Em outras palavras: teria um apê quitado de R$ 400mil, um Carro TOP e mais de 100mil "no banco" antes dos 30 anos. 😄

Meu receio nessa corrida rumo a independência financeira é de 'perder o ponto'  de parar de acumular e sempre querer mais, e mais, e mais....

Mas aí eu vejo alguns colegas do trabalho, na angustia para chegar o dia do pagamento, sofrendo para deixar os boletos em dia, e me lembro o porquê faço tudo isso =)
Tentando, claro, sempre manter o equilíbrio entre viver e aportar.

Grande abraço a todos!